Recuperação Gratuita Linux para Windows | para Linux

R-Linux é um utilitário gratuito de recuperação de ficheiros para o sistema de ficheiros Ext2/Ext3/Ext4 FS utilizado no SO Linux e vários Unixes. R-Linux utiliza a mesma tecnologia InteligentScan que o R-Studio, e definições flexíveis de parâmetros para fornecer a recuperação de dados mais rápida e flexível para a plataforma Linux. No entanto, ao contrário do R-Studio, o R-Linux não consegue recuperar dados pela rede ou reconstruir RAIDs ou fornecer cópia de objectos.

Existem duas variantes do R-Linux: uma para o Linux e outra para o Windows. Ambas partilham os mesmos recursos, diferem apenas no SO anfitrião.

Ficheiros de recuperação R-Linux:

  • Removida por ataque de vírus, quebra de energia ou crash do sistema;
  • Após a partição com os ficheiros ter sido reformatada, danificada ou apagada;
  • Quando a estrutura de partição de um disco rígido foi alterada ou danificada. Neste caso, o R-Linux pode fazer scan do disco para tentar encontrar partições que existiam anteriormente e recuperar ficheiros das partições encontradas.
  • De discos com sectores danificados. Neste caso, o R-Linux pode copiar primeiro o disco completo ou uma parte para um ficheiro de imagem e posteriormente processar o ficheiro de imagem. Isto é especialmente útil quando continuam a aparecer novos sectores danificados no disco rígido e a informação restante tem de ser gravada imediatamente.
  • Interface do estilo padrão do "Explorador do Windows".
  • SO Anfitrião:
    Variante Linux: Linux, kernel 2.6 e superior
    Variante Windows: Win2000, XP, 2003, Vista, Windows 7, Windows 8/8.1, Windows Server 2008/2012
  • Sistemas de ficheiros suportados: Ext2/Ext3/Ext4 FS (Linux) apenas.
  • Reconhecimento e análise de esquemas de partições Dinâmicas (Windows 2000/XP/Vista/Win7), Basic, GPT e BSD (UNIX) e Apple partition map. Partições dinâmicas sobre GPT são suportadas, bem como partições dinâmicas sobre MBR.
  • Cria de um disco rígido inteiro, disco lógico ou parte dele. Estes ficheiros de imagem podem depois ser processados como discos normais. As imagens podem ser cópias exactas de objectos simples (Imagens simples) compatíveis com as versões anteriores do R-Linux, ou imagens comprimidas que podem ser comprimidas, divididas em várias partes e protegidas por senha. Estas imagens são totalmente compatíveis com as imagens criadas pelo R-Drive Image, mas incompatíveis com as versões anteriores do R-Linux.
  • Reconhece nomes localizados.
  • Ficheiros recuperados podem ser gravados em quaisquer discos (incluindo rede) acessíveis pelo sistema operativo anfitrião.
  • Monitorização de atributos S.M.A.R.T.. O R-Linux pode mostrar o S.M.A.R.T. (Tecnologia de auto-monitorização, análise e criação de relatórios) de discos rígidos para mostrar a sua saúde de hardware e prever possíveis falhas. Qualquer trabalho desnecessário com esses discos rígidos devia ser evitado se aparecem avisos S.M.A.R.T.
  • Pesquisa de versões de ficheiros apagadas. R-Linux pode pesquisar versões de ficheiros apagadas através do seu tamanho, nome, extensão e tipos de ficheiros reconhecidos como parâmetros de pesquisa.
  • Monitorização de atributos S.M.A.R.T.. O R-Linux pode mostrar o S.M.A.R.T. (Tecnologia de auto-monitorização, análise e criação de relatórios) de discos rígidos para mostrar a sua saúde de hardware e prever possíveis falhas. Qualquer trabalho desnecessário com esses discos rígidos devia ser evitado se aparecem avisos S.M.A.R.T.
  • Scan de disco acelerado para dispositivos de leitura rápida.
  • Pesquisa de versões de ficheiros apagadas. R-Linux pode pesquisar versões de ficheiros apagadas através do seu tamanho, nome, extensão e tipos de ficheiros reconhecidos como parâmetros de pesquisa.
  • Selecção de dados melhorada no editor Hexadecimal. Agora o início e o fim de uma área de selecção pode ser definida nos comandos "Seleccionar de" e "Seleccionar para" no menu de atalhos.
  • Anexar dados a um ficheiro existente no editor Hexadecimal. Um fragmento de ficheiro seleccionado no editor pode ser anexado a um ficheiro existente.
  • Um ficheiro externo pode ser carregado para uma posição seleccionada no ficheiro aberto no editor Hexadecimal.
  • Suporte para novo sistema de ficheiros: Ext4 FS
  • R-Linux pode mostrar dados no disco tanto como na estrutura real de pasta/ficheiro ou como ficheiros ordenados pelas suas extensões, ou pelas alturas de criação/último acesso/modificação.
  • Ordenar Ficheiros. Os ficheiros e pastas encontrados podem ser ordenados facilmente pela estrutura original, extensão do ficheiro ou data de criação/modificação do ficheiro.
  • Suporte para recuperação de ficheiros em massa. R-Linux pode automaticamente aplicar opções de recuperação de dados para todos os ficheiros a recuperar.
  • Janela comum Encontrar/Marcar. R-Linux pode automaticamente encontrar e marcar vários ficheiros que correspondam às opções de pesquisa especificadas na janela Encontrar/Marcar.
  • Hex Editor Enhancement. Os ficheiros podem ser mostrados como texto ANSI ou UNICODE.
  • Suporte de formato de imagem comprimida. Quando o R-Linux cria uma imagem do disco ou de uma parte dele, a imagem pode ser comprimida e dividida em diversos ficheiros para ser possível armazenar em CD/DVD/flash drive ou FAT16/FAT32*.
    * R-Linux lê e apre a imagem criada apenas para propósitos de recuperação de dados. Para criação de imagens de disco e tarefas de restauro, considere o software R-Drive Image
    .
  • Suporte para tipos de ficheiros conhecidos. R-Linux pesquisa padrões específicos de dados , permitindo ao utilizador recuperar ficheiros em sistemas de ficheiros danificados ou desconhecidos em vários dispositivos, incluindo HD, CD, DVD, disquete, Compact Flash Card, drive USB, drive ZIP, Cartões de Memória e outros dispositivos amovíveis.
  • Visualização do processo de scan. Ao fazer scan de um objecto, o R-Linux mostra graficamente os itens encontrados
  • Um editor hexadecimal de disco e ficheiro.
  • Suporte para esquema de layout de partições GPT e APM.
© Copyright 2000-2016 R-Tools Technology Inc.